Conecte-se Conosco

Música

Alan James lança “Sobrevivo” pela Labidad Music

Publicado

em

“Sobrevivo” começa direto, sem introdução, num pique de alto astral que contrasta com a letra, como é característico de algumas músicas de Alan James.

A composição surgiu em 2019, enquanto o artista ainda morava no Rio de Janeiro, e foi feita no período em que a maioria das músicas do disco surgiram.

Quase foi a primeira música de trabalho, conforme conta o artista: “Compus “Sobrevivo” em 2019 ao piano, e de cara gostei que a música saiu mais pra frente, por mais que a letra fale de um amor escondido com uma mensagem de resignação. Foi uma das primeiras que gravei, e por ser uma canção mais indie rock com sintetizadores (algo novo na carreira solo) quase a lancei como o primeiro single do novo disco. Porém por conta de uma mentoria que estive fazendo, acabei decidindo confiar na minha intuição original que era lançar “Luz da Manhã” primeiro, e por fim “Sobrevivo” seria a próxima””.

A letra fala um amor secreto que provavelmente continuará platônico, pois o protagonista teme que sua amada “mate as lembranças felizes de sua imaginação”.

Então ele confessa: “Escondo o que sinto/E luto pra que você não possa saber”. Em vez de tomar a iniciativa, ele prefere manter a incerteza de ser ou não correspondido para poder continuar sonhando. Mas também não se afastará dela: “Já não posso/Viver sem te ver/Sobrevivo/Nos sonhos com você”.

Essa insegurança dá uma pureza à canção, como se falasse de um sentimento represado por inexperiência e timidez. Alan assume voz, backing vocal, baixo, piano, sintetizadores e guitarra. Dennis Guedes contribui com voz, backing vocal, violão, guitarra e bateria. Vitor Veiga está na bateria e backing vocal, Danilo Fiani na guitarra e Mário Vitor no backing vocal.

A gravação foi feita em São Paulo (com algumas partes gravadas no Rio de Janeiro), entre 2020 e 2023, período em que Alan gestou várias pérolas que estão aos poucos saindo da ostra.

MINI BIO
Alan descobriu a música bem cedo. Primeiro, com o antológico LP de Roberto Carlos de 1971, aquele de “Detalhes”, que ouviu aos 4 anos. Depois, vieram os Beatles. Sua formação de multi-instrumentista começou explorando por conta própria o violão de sua mãe. Depois vieram aulas de teclado, guitarra, bateria, além de brincar com um baixo, instrumento em que se tornou autodidata. Hoje ele toca baixo, bateria, piano, violão, guitarra, ukulele e percussões diversas. A partir disso começou a compor aos 12 anos de idade, tentando traduzir seus sentimentos adolescentes em canções.

Entre 2010 e 2016, Alan fez parte do duo autoral Geminianos, que lançou dois álbuns e um EP e teve clipes exibidos no Multishow, Canal BIS e Music Box e músicas executadas na Rádio Cidade.

Em 2018, Alan lançou pelo selo Discobertas o CD Despertar, que destacou se pela sonoridade agradável e atemporal, com arranjos precisos e melodias que grudam no ouvido com influência dos melhores artistas pop dos anos 1970, como os Guilhermes Arantes e Lamounier, Ivan Lins, Clube da Esquina e um pouco dos estrangeiros Beatles, Beach Boys (sua banda preferida), Todd Rundgren e Emitt Rhodes. Sem se deixar contaminar por modernismos, Alan criou belos arranjos e melodias que grudam no ouvido que sintetizaram o melhor de suas influências musicais.

O álbum foi eleito um dos cinco melhores do ano pelo site Galeria Musical e, quando lançado, foi um dos destaques do mês da página Tenho Mais Discos Que Amigos. Depois de Despertar, que teve clipes rodando na Music Box, Multishow e Canal BIS, o artista (que é carioca) se muda para São Paulo assina com o selo Caravela, e por ela lançou nas plataformas digitais a canção inédita “Antes Que o Dia Acabe” em duas versões, sendo uma delas com arranjo mais orquestral. A balada com ênfase no piano confirma o estilo demonstrado no primeiro CD.

Em 2021 lançou pela Caravela no dia de seu aniversário o single “Tudo Com Você”, um rock que foi a sua primeira parceria com o artista e compositor Daniel Villares, com direito a um web-clipe gravado em sua casa durante a pandemia.

Em 2022 o artista produziu o especial “Coleção de Canções”, lançado em seu canal do YouTube, fruto do edital “Cultura Presente Nas Redes 2” no qual foi contemplado pela SECEX RJ.

No início de 2023 lançou o single “Mágica” de forma totalmente independente, encerrando um hiato de quase 2 anos. A canção com pegada indie foi a primeira na qual Alan tocou todos os instrumentos.
Em setembro começou a divulgar o seu próximo álbum “Solar/Sonhar” com o lançamento do single e clipe de “Luz da Manhã”, que tiveram uma excelente recepção de crítica e público, sendo um dos lançamentos de destaque do jornal “Correio do Povo” do grupo R7 (Record), sites como
“Tenho Mais Discos Que Amigos”, entre outros.

Atualmente, toca como músico da cantora Zabelê (tendo se apresentado companhando Pepeu Gomes e Baby do Brasil) e também na Blues Jam São Paulo (com a qual tem se apresentado regularmente na icônica casa de shows Bourbon Street).

Siga Alan James
Spotify: https://bityli.com/kAb9g
Instagram: http://www.instagram.com/alanjamesbr
Tiktok: https://www.tiktok.com/@alanjamesbr
Facebook: http://www.facebook.com/alanjamesoficial
YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCPE_yI9197b1w4nPqmNoB7A

Continue lendo

Música

Bárbara Grando lança novo single “Lareira” com videoclipe cinematográfico

Publicado

em

De

Cantora e compositora apresenta novo projeto que mescla pop e R&B, além de audiovisual em VFX

[ouça aqui]

[assista aqui]

“Fogo, fogo, queima, tudo que atrasa a minha revolução”. Em um refrão forte, a cantora e compositora Bárbara Grando convida o ouvinte para uma viagem enriquecedora de autodescoberta, encorajando a abraçar e dançar com as diversas versões de si. A faixa “Lareira”, que chega hoje às plataformas acompanhada de clipe, é a segunda de uma série que traz uma narrativa franca e disruptiva, com temas como empoderamento, transformação, resiliência, crescimento espiritual e conexão interior. 

A música atua como uma guia nessa jornada de autocelebração e aceitação, enquanto uma produção audiovisual futurista em VFX (criação de efeitos realistas para cinema) acompanha a faixa, ampliando sua mensagem de renascimento e a importância de estar em comunhão com todas as suas versões.

LAREIRA

Bárbara Grando e Mara Marques 

 

Fogo, fogo, queima (3x)

Tudo que atrasa a minha revolução

 

Evolução silenciosa

Enquanto falam me dão asa

Eu não confio nem na sobra

Desculpa não olhar pro lado

Evolução silenciosa

Você já sabe que eu sou foda

E nem preciso me provar

 

É que eu tava ocupada só fazendo o meu corre

Combustível é me ver fazendo toda a minha arte

Não preciso de escada, você só me atrasava

Energia nunca falha, que comece a diversão

 

Sentada no meu caos

Sozinha, eu já não sou igual

Cê jura?

Processo natural

Dizem que eu tô blindada

 

Sentada no meu caos

Sozinha, eu já não sou igual

Cê jura?

Processo natural

Dizem que eu tô blindada

 

Sai da minha rota

Eu já tô fazendo a minha revolução

Não te devo nada

Aqui não tem espaço pra sua opinião

 

Fogo, fogo, queima (3x)

Tudo que atrasa a minha revolução

 

Fogo, fogo, queima (3x)

Tudo que atrasa a minha revolução

 

Fogo, fogo, queima (3x)

Tudo que atrasa a minha revolução

 

Fogo, fogo, queima (3x)

Tudo que atrasa a minha revolução

 

[Backing Vocal]

Afastei todos que me sugaram

Eu gritei as dores que me roubavam

Já queimei desculpas que não falaram

E voltei, por essa não esperavam

 

Ela é chama onde não chamaram

Aquece, minha proteção

Tanto fogo que me negaram

Hoje ela queima

 

Ela é chama onde não chamaram

Aquece, minha proteção

Tanto fogo que me negaram

Hoje ela queima

 

Fogo, fogo, queima (3x)

Tudo que atrasa a minha revolução

Continue lendo

Música

MC Paiva com o seu crescimento se destaca como um dos principais nomes no cenário do funk Brasileiro

Publicado

em

De

MC Paiva é um jovem artista natural da cidade de São José dos Campos, cuja ascensão o coloca entre os principais expoentes do cenário do Funk brasileiro na atualidade. Suas composições, caracterizadas por uma personalidade marcante, refletem sua irreverência e intensidade, atributos que lhe renderam o reconhecimento nacional como “O MAGNATA” Este título, além de ressaltar sua notoriedade, alude à opulência de seu extenso repertório musical. Os indicadores estatísticos corroboram essa afirmação, evidenciando o alcance massivo e a influência de suas obras.

Com milhões de visualizações e reproduções em plataformas digitais, MC Paiva consolida sua posição como um dos principais pilares do Funk brasileiro contemporâneo. Seu talento singular e sua habilidade de inovar continuam a deixar uma marca indelével no panorama musical nacional, conferindo-lhe um status de destaque e influência incontestáveis.

Em 2022, MC Paiva foi convidado pelo Spotify para o lançamento com exclusividade dentro da plataforma pelo ação “Spotify Singles” Desde fevereiro de 2023 que o artista é capa da playlist RADAR Brasil, criada para potencializar nomes em ascenção da música brasileira.

Continue lendo

Música

Gabb Mc o mais novo Fenômeno do Funk atingi a marca de Meio Bilhão de visualizações no YouTube

Publicado

em

De

Natural de Jacareí, Gabriel de Souza Campos, mais conhecido como Gabb MC, iniciou sua carreira aos 10 anos de idade na escola, onde participava das batalhas de rima, além de ser integrante do Grupo Pompeia Mob, um grupo de amigos que batalhavam no bairro de sua cidade natal.

 

Gabb teve a iniciativa de entrar para o mundo da música em 2021, após assinar contrato com a Love Funk, e com o incentivo dos pais, mudou-se para São Paulo, onde reside atualmente. Em seus primeiros trabalhos com a produtora, GabbMC participou do projeto Mandrakinhos, o qual possui mais de 20 milhões de acessos nas plataformas digitais.

Além disso, somando todos os trabalhos de Gabb até o momento, o jovem artista alcançou mais de 505.716.400 milhões de visualizações no YouTube e 180 milhões de plays nas plataformas digitais. Ele vem sendo reconhecido nas redes sociais por fãs de todo o país. Após os projetos realizados com a Love Funk, entre outros artistas importantes da cena, Gabb se mostrou muito versátil, criando músicas que vão do Funk ao Trap, revelando-se um artista com grande potencial para o mercado atual.

Continue lendo

Destaque