Conecte-se Conosco

Negócios

Risco de exposição cria obstáculo para igualdade salarial entre mulheres e homens

Publicado

em

Gabriel Henrique Santoro (*)

Passada a euforia inicial pela escolha da direção certa adotada pelo Congresso com relação à equiparação salarial entre homens e mulheres, uma análise mais profunda sobre o texto da lei nº 14.611/2023 aprovada no dia 3 de julho revela que existem obstáculos no caminho.

Uma das principais dificuldades em fazer a lei ‘pegar’ efetivamente se refere ao antagonismo existente entre a necessidade de comparação dos valores pagos a cada gênero e a inconveniência de expor os salários pagos a cada trabalhador.

O dilema fica explícito ao se imaginar como será colocado em prática o que rege o artigo 5º desta norma. Segundo a redação aprovada pelos deputados, “fica determinada a publicação semestral de relatórios de transparência salarial e de critérios remuneratórios pelas pessoas jurídicas de direito privado com 100 (cem) ou mais empregados, observada a proteção de dados pessoais de que trata a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD)”.

Pelo que estabelece este item, para não arcar com uma multa que pode chegar a até 100 salários-mínimos para hipótese de descumprimento, uma empresa que tenha mais de 100 empregados precisa publicar esses relatórios periódicos.

Mas o detalhe que parece passar despercebido e que torna a missão quase impossível é que isso precisa ser feito sem expor a vida financeira dos trabalhadores.

Como será viável criar esse mecanismo de transparência da política salarial sem que a organização exponha o salário das pessoas?

Afinal, para que um gerente homem e uma gerente mulher, por exemplo, ou uma analista mulher e um analista homem, possam comparar os seus salários objetivando saber se está havendo ou não respeito à lei, será necessário que haja uma certa identificação sobre qual foi o valor recebido por esses profissionais.

Seja pelo número da matrícula do funcionário, ou por meio de um documento como RG ou CPF, o fato é que as partes precisarão comparar na planilha da empresa quem é o trabalhador X e quem é a trabalhadora Y para saber se ambos estão recebendo a mesma quantia.

De uma forma ou de outra, a trabalhadora Y precisará ter condição de analisar essa planilha para verificar se o colega de profissão do sexo masculino que exerce a mesma função que ela na empresa está recebendo o mesmo valor de salário.

Quais problemas podem ser gerados nas empresas quando os salários das pessoas se transformarem em informações correntes pelos corredores?

Apesar de ter uma redação simples, o cumprimento do que esse artigo estabelece é extremamente complexo e exigirá dos profissionais de recursos humanos e de tecnologia um grande esforço para criar soluções que possam entregar este nível de transparência que, na verdade, só será bem-sucedido se entregar também algum nível de ‘não transparência”.

É inegável que a lei recém-criada representa mais um avanço na, já antiga, luta pela igualdade entre homens e mulheres no ambiente de trabalho.

Na verdade, essa tão desejada equidade vem sendo buscada desde as versões mais remotas da CLT, quando o artigo 461 estabeleceu que “sendo idêntica a função, a todo trabalho de igual valor, prestado ao mesmo empregador, na mesma localidade, corresponderá, igual salário, sem distinção de sexo”.

De lá para cá, aos poucos, foram introduzidas novas exigências, estabelecidos critérios e regras com o objetivo de assegurar esse direito, mas as dificuldades demonstradas no comprimento do artigo 5º da lei de 2023 revelam mais uma vez que é preciso um esforço ainda maior para ir além da boa vontade e dos textos bem escritos.

As leis funcionam como asseguradoras dos desejos da sociedade, mas neste caso, a impressão que se tem é que, se a sociedade pretende mesmo fazer com que homens e mulheres recebam o mesmo salário em situações iguais de prestação de serviço, será necessário muito mais do que o estabelecimento de normas.

A conquista deste patamar exige mudanças na estrutura social que passam pela educação, cultura, geração de oportunidades e uma série de aspectos que possam fazer com que essa equiparação passe a ser natural e não forçada por instrumentos fiscalizadores e punitivos.

* Gabriel Henrique Santoro é advogado do Juveniz Jr Rolim e Ferraz Advogados

Continue lendo
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Negócios

Como ser relevante nas redes sociais com à Viralmax

Publicado

em

De

 

Pós-COVID 19, as redes sociais experimentaram uma expansão notável em termos de seguidores e alcance. Com o público tendo mais tempo em casa e no mundo digital, muitos se voltaram para as redes sociais para se manterem conectadas com o mundo exterior. Isso resultou em um aumento na participação e no número de seguidores em várias contas do Instagram.

 

A viralmax.app trás um painel SMM, excelente com uma ferramenta que permite a venda de seguidores de forma segura. Este painel é uma plataforma totalmente segura que facilita a gestão de suas redes sociais, permitindo o aumento de sua presença online de maneira eficaz e segura.

 

Viralmax foi fundada em 2022, com intuito em ajudar influenciadores a conquistar mais seguidores e engajamento nas redes sociais de forma real e rápida, podendo comprar serviços para: Instagram, Tiktok, Kwai, YouTube e outras. Na Viralmax você consegue comprar à partir de R$ 0,99 centavos. A empresa foi criada pela Megasmm e, está sendo uma das mas procuras do momento.

Continue lendo

Negócios

Parceria Estratégica entre Gender Matters e agência de Marketing WEMKT360 para Divulgação da Conferência “Vozes Femininas” em Lisboa, Portugal

Publicado

em

De

Gender Matters, uma organização dedicada à promoção da igualdade de género em Portugal, tem o prazer de anunciar uma parceria estratégica com a agência de marketing digital brasileira WEMKT360 para a divulgação da conferência “Vozes Femininas: Mulheres, Direitos e Política”.

Com o compromisso partilhado de amplificar as vozes femininas e fomentar discussões relevantes sobre questões de género, esta colaboração representa um passo importante para alargar o alcance e o impacto do evento. A WEMKT360 possui uma vasta experiência em estratégias de marketing digital e comunicação, que serão fundamentais para atrair uma audiência diversificada e engajada para a conferência. Além disso, a agência traz consigo uma visão brasileira, caracterizada por um olhar mais criativo e próximo, que certamente acrescentará valor à divulgação do evento.

“Estamos entusiasmadas em unir forças com a Gender Matters para apoiar esta iniciativa tão importante”, disse Iasmim Marques, Sócia Fundadora da WEMKT360. “Acreditamos firmemente na importância de dar visibilidade às questões de género e estamos comprometidas em utilizar nossa expertise em marketing digital para amplificar o impacto desta conferência.”, diz Carolina Carvalho, Sócia Fundadora da WEMKT360.

A conferência “Vozes Femininas” está agendada para o dia 6 de abril, a partir das 11h, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa. O evento contará com a participação de mais de 9 oradoras especialistas, distribuídas em 4 mesas redondas, para discutir temas cruciais para o avanço das mulheres na sociedade portuguesa.

Gender Matters convida a todos os interessados a participar deste importante debate para contribuir para o avanço da igualdade de género em Portugal e além. As inscrições foram encerradas, mas você pode acompanhar os melhores momentos do evento através das redes sociais da Gender Matters clicando aqui.

Para saber mais, acesse: https://www.instagram.com/gendermatters.pt/

Sobre a Gender Matters: uma organização comprometida com a promoção da igualdade de género em Portugal, através de iniciativas educativas, de sensibilização e de advocacia.

Sobre a WEMKT360: A agência WeMKT360 possui expertise nas áreas de marketing, criação de estratégias e ações com influenciadores digitais. Seu core business propõe ser mais que uma agência tradicional e sim um braço estratégico das organizações que atende, tendo dois grandes produtos em sua cartela: o marketing de influência para organizações de qualquer porte, e o marketing digital em formato 360º para pequenos e médios empreendedores.

Continue lendo

Negócios

Influenciadores Digitais: retorno em venda ou branding? | WEMKT360

Publicado

em

De

Em um cenário cada vez mais competitivo e dinâmico, os influenciadores surgiram como figuras-chave na estratégia digital de muitas marcas. Essas personalidades têm a capacidade única de influenciar as decisões de compra e moldar as percepções do público sobre produtos e serviços. No entanto, surge a questão: qual é o verdadeiro retorno que os influenciadores proporcionam às marcas? É realmente uma questão de vendas diretas ou está mais relacionado à construção de uma marca sólida e engajada?

Vendas ou brading?

Segundo dados recentes, de pesquisas a resposta está em uma combinação dos dois. Pesquisas Nielsen, Kantar, eStatista, mostram que, em média, 40% dos consumidores já compraram algo online após verem um influenciador usá-lo ou recomendá-lo. Isso destaca o impacto direto que os influenciadores têm nas decisões de compra. No entanto, o valor vai além das vendas imediatas.

O branding é um dos maiores benefícios de se associar a influenciadores digitais. Quando uma marca é promovida por uma personalidade que possui uma base de seguidores leais e engajados, ela ganha instantaneamente credibilidade e confiança. Estudos revelam que 71% dos consumidores são mais propensos a fazer uma compra com base nas recomendações de mídia social, incluindo influenciadores. Isso ilustra o poder dos influenciadores em construir uma imagem de marca positiva e autêntica.

Além disso, os influenciadores são mestres em contar histórias e criar conexões emocionais com seu público. Isso significa que as marcas podem não apenas alcançar um público mais amplo, mas também cultivar relacionamentos duradouros com os consumidores. Essa fidelidade à marca resulta em um maior valor vitalício do cliente, impactando positivamente as vendas a longo prazo.

Visão dos influenciadores

No entanto, é crucial entender que dentro do mercado, muitos influenciadores não se sentem confortáveis em serem chamados de “vendedores”, dizem que trabalham o relacionamento, a imagem da marca com foco em branding e consequentemente as vendas acontecem. Ao abortar um influenciador, é importante ter isso em mente para que de alguma forma não se sintam desconfortáveis com os convites de parcerias. Por outro lado, acontece um crescimento orgânico muito grande no nicho que chamamos de: comprinhas, achadinhos, promoções, dicas de farmárcia. Esses perfis têm como objetivo trabalhar o marketing de afiliados e são vendedores natos. Entre os posts apresentam resenhas completas, procuram promoções relevantes e ativam clientes/seguidores por grupos de transmissão em diversas redes sociais complementares.

ROI

Além disso, a mensuração do retorno sobre o investimento (ROI) em marketing de influência é fundamental. Atualmente essa métrica permite que as marcas acompanhem não apenas as vendas diretas geradas, mas também métricas de envolvimento e alcance do público. Isso oferece uma visão abrangente e permite ajustes estratégicos para otimizar os resultados.

Em resumo, os influenciadores digitais proporcionam retorno tanto em vendas quanto em branding. Sua capacidade de influenciar as decisões de compra e construir relacionamentos autênticos com os consumidores faz deles ativos valiosos para qualquer estratégia de marketing. No entanto, é essencial que as marcas escolham colaborações que se alinhem com seus valores e objetivos. Com o poder dos influenciadores digitais, as marcas podem alcançar novos patamares de sucesso no cenário competitivo do marketing digital.

E agora? Como escolher um influenciador ideal?

Para te ajudar nessa missão, a WeMKT360, agência especializada em marketing de influência, traz a sinergia perfeita entre marketing pago, orgânico e de afiliados. Como um braço estratégico das organizações que atende, a agência se destaca por trazer um olhar integrado, garantindo assim resultados tangíveis para as marcas.

Pronto para Iniciar Sua Campanha com Influenciadores? Caso precise de ajuda, a WeMKT360 destaca-se como uma parceira estratégica para organizações que buscam maximizar o impacto de suas campanhas de marketing, oferecendo soluções completas em marketing de influência. Isso inclui desde a definição de objetivos, mapeamento, negociação até o monitoramento, garantindo que sua campanha seja um grande sucesso. Seja você uma grande corporação ou um empreendedor em ascensão, a agência proporciona soluções adaptadas às suas necessidades específicas.

Com ampla experiência no mercado, a WeMKT360 é reconhecida por sua abordagem personalizada, focada em proporcionar resultados tangíveis para seus clientes. No âmbito do marketing de influência, a agência compreende a importância de escolher o influenciador certo, garantindo que as marcas obtenham desempenho e resultados reais em suas ações.

Continue lendo

Destaque