Conecte-se Conosco

Últimas notícias

Saiba quando é preciso contratar um advogado para proteger seus interesses

Publicado

em

Dr. Flávio Varela Torres  listou 5 situações em que negligenciar a importância de um contrato bem estruturado pode causar prejuízos

Mesmo vivendo em um tempo em que a informação está ao alcance de um click, nem sempre o que chega até seu smartphone é confiável. Por isso, cada dia mais, a contratação de especialistas é uma das formas mais eficientes de ter garantidos direitos e conhecer deveres. Antes de assinar um contrato, por exemplo, a avaliação de um advogado pode resultar em benefícios como segurança jurídica, credibilidade diante do mercado, além de evitar prejuízos financeiros. 

O Dr. Flavio Varela Torres, da Varela Torres Advocacia, listou cinco situações que normalmente são negligenciadas por contratantes, contratados e novos empresários, mas que podem resultar em grandes dores de cabeça ou prejuízos. Contudo, a contratação de um advogado especialista pode evitar esses problemas além de possibilitar mais clareza em qualquer contratação.

Ele cita desde atividades mais domésticas, como contratação de serviços para festas, além da assinatura de um contrato de aluguel ou compra de um imóvel. “Um advogado é extremamente importante na fase da compra, venda ou contratação de um serviço, pois auxilia na análise dos documentos e pesquisas, visando sempre resguardar todos os direitos daquele que o contratou”. 

Conheça os momentos chave em que um advogado pode ser sua melhor escolha

1 – Contratação de serviços para festas

Qualquer circunstância que envolva direitos e obrigações, é importante ter a assessoria de  um advogado. “No caso das festas, principalmente aquelas que envolvem situações como bufê, espaço físico, serviços de fotografia e vídeo, cerimonialistas, o que se deseja é desfrutar do momento e não ter problemas”, ressalta Varela Torres. 

Ele lembra que, sem um contrato, fica muito mais complexo encarar judicialmente um problema com um prestador que não cumpriu a sua parte. Isso porque, caso o prestador de serviços não cumpra com as suas obrigações, o contrato serve de ferramenta para ajuizar uma ação para cobrar os reflexos desse não cumprimento. “A presença do advogado e elaboração de contrato também demonstrarão ao prestador de serviços que aquela pessoa que está contratando é diligente e caso ele não cumpra a sua parte, com certeza responderá por isso”, afirma Varela.  

2  – Na aquisição de imóveis:

A compra de imóvel é outra situação em que um advogado é de extrema utilidade por ser capaz de sanar dúvidas e evitar abusos. “Muitas vezes o comprador não está preparado para entender as questões burocráticas da compra de um imóvel. Ou até mesmo agem com emoção, e o advogado consegue trazer a negociação para um patamar mais realista’. 

Ele cita, por exemplo, a necessidade de checagem no histórico do vendedor do imóvel e assegurar que ele realmente é dono, se não há inventário de herança ou divórcio no negócio e até onde isso pode ser um problema no processo de compra e venda. 

Em casos de imóvel na planta, é importante checar a credibilidade da construtora, previsão de entrega, opções de financiamento, garantias, formas de pagamento, assuntos relacionados aos impostos e taxas de condomínio. “Todas essas dúvidas podem ser sanadas com a contratação de um advogado especializado na área, assim como as questões relacionadas ao distrato, que é regida sob uma lei específica”. 

3  – Locação de imóveis

“A locação de imóveis também têm leis específicas que precisam ser seguidas, mas normalmente as pessoas apenas fazem um contrato verbal e esquecem que tem direitos e deveres que precisam ser seguidos”, diz o advogado. De acordo com ele, é recomendado que o contrato  inclua informações importantes, como o período de locação, o valor do aluguel, índice de atualização, responsabilidades do locador e do locatário, entre outras. As regras valem tanto para pessoas físicas ou pessoas jurídicas. 

4 – Sociedade empresarial

Uma sociedade exige diferentes tipos de documentos, cada qual com seu tipo empresarial. Por exemplo, uma sociedade limitada, na qual a responsabilidade de cada sócio é restrita ao valor de suas quotas, o documento exigido pela legislação civil é o Contrato Social. 

Já em uma sociedade anônima, que é regida por legislação específica (Lei nº 6.404/76), o documento basilar de constituição empresarial é o Estatuto Social. Nesse tipo empresarial, o capital é dividido em ações e a responsabilidade dos sócios ou acionistas será limitada ao preço de emissão das ações subscritas ou adquiridas.

Varela Torres detalha que para uma regularidade na relação empresarial, o sócio deve evitar tomar providências e decisões sozinho, ainda que o contrato social permita a administração isoladamente. Decisões como alienação de bens, captação de crédito e venda de ativos são temas que, ordinariamente, requerem análise conjunta entre todos os integrantes da sociedade. “O contrato ou estatuto feitos com o acompanhamento de um advogado especializado deixará as cláusulas no negócio mais transparentes, e os empresários terão mais tranquilidade ao tomar decisões. 

Ele ainda detalha que as cláusulas imprescindíveis para quaisquer dos tipos contratuais citados anteriormente são o objeto social, o capital social, a divisão de quotas entre os sócios integrantes da sociedade, a definição da administração, a saída/exclusão de sócio, a admissão de novos sócios (cessão de quotas a terceiros), a firma ou denominação empresarial, o balanço e a dissolução e extinção da sociedade.

5 – Profissionais liberais

Varela Torres enfatiza que é de extrema importância o auxílio de um advogado junto ao profissional liberal, desde o aconselhamento sobre os benefícios de se constituir um CNPJ, bem como na análise dos contratos a serem firmados. “É possível assegurar ao profissional liberal seus direitos, evitar prejuízos, ou até mesmo, que este venha a firmar negócios jurídicos que lhe sejam prejudiciais”, pontua. 

O Profissional Liberal é popularmente definido como o profissional que conduz a sua prestação de serviços de maneira própria, sem vínculo trabalhista com qualquer empregador, exercendo a sua profissão de maneira livre, após ter concluído graduação ou curso técnico. “No brasil, atualmente, os profissionais liberais têm adotado o método de criar CNPJ e se enquadrarem como MEI, sigla para “Microempreendedor Individual”, na intenção de prestar os serviços com a devida regularidade e formalidade e podem emitir nota fiscal fazer o recolhimento de contribuição previdenciária”, esclarece. 

Continue lendo
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Celebridades

Moda K-Pop será tema da próxima edição do Catwalk Brasil

Publicado

em

De

Além dos desfiles, o evento conta apresentações de talentos da nova geração

O Catwalk Brasil, renomado desfile de moda organizado pelo Grupo YBrasil, está de volta em grande estilo com sua nova edição, e desta vez, o tema é K-Pop! Marcado para os dias 29 e 30 de junho, o evento acontecerá no Mais Shopping, localizado na zona Sul de São Paulo, prometendo ser uma celebração inesquecível da moda e cultura pop coreana.

Com modelos talentosos da Escola de Modelo, todos agenciados pela agência de modelos Max Fama, o Catwalk Brasil é um dos eventos mais aguardados do ano. “Estamos empolgados com essa edição temática de K-Pop. A fusão entre moda e música promete proporcionar uma experiência única e vibrante para o público,” afirma Felipe Monteiro, diretor da agência de modelos Max Fama.

O desfile contará com cerca de 450 modelos, que apresentarão looks inspirados no universo K-Pop, refletindo o estilo colorido, ousado e inovador que caracteriza esse fenômeno global. A passarela temática, desenvolvida pelo talentoso designer Wesley Alisson, será um espetáculo à parte, transportando os espectadores diretamente para o mundo fascinante do K-Pop.

Além dos desfiles, o evento, que será gratuito, terá apresentações de artistas da nova geração que estão conquistando o público. Entre os destaques estão Duda Ribeiro, Murilo Araújo, Alice Monteiro, Mafer Pamplona, Juju Gaspar, Luisa Pinheiro, Gabi Mercario e Bia Abraão. Essas performances prometem adicionar ainda mais energia e entretenimento ao evento.

Os produtores de moda Vinicius D’Carmo e Felipe Melo estão à frente da produção de moda, garantindo que cada detalhe esteja perfeito e que os looks apresentados sejam memoráveis. Não perca a chance de vivenciar este evento extraordinário que celebra a moda e a cultura de forma inovadora e emocionante.

O Catwalk Brasil: Edição K-Pop é uma oportunidade imperdível para ver de perto as tendências que estão conquistando o mundo, enquanto desfruta de performances incríveis e um ambiente vibrante. Para mais informações, acesse o site do empreendimento: https://maisshopping.com.br

Serviço:
 Desfiles Catwalk Brasil
Quando: 29 e 30 de junho de 2024
Horários:

– Sábado (29) às 10h30 (Duda Ribeiro), às 13h30 (Murilo Araújo), às 16h30 (Alice Monteiro), e às 19h30 (Mafer Pamplona)
– Domingo (30) às 11h (Juju Gaspar), às 13h30 (Luisa Pinheiro), às 16h (Gabi Mercario) e às 18h30 (Bia Abraão)

Local: Praça de eventos do Mais Shopping – R. Amador Bueno, 229 – Santo Amaro, São Paulo/SP

Entrada Gratuita (ordem de chegada) – Evento sujeito a lotação.

Continue lendo

Celebridades

Goiânia sedia evento com 190 estandes ocupados pela indústria automotiva

Publicado

em

De

Com a presença de grandes fabricantes e uma intensa agenda de atividades, a Expo Peças 2024 destaca-se como o principal evento de aftermarket automotivo no Centro-Oeste, prometendo conectar a indústria e profissionais com as últimas tendências e tecnologias

O mercado de autopeças no Brasil, já destacado como um dos maiores produtores globais de veículos, segue em crescimento acelerado, apoiado por investimentos significativos de grandes fabricantes em momento favorável que fomenta inovações tecnológicas e atrai investimentos estrangeiros. Segundo dados recentes da GMI Reserach, o setor de pós-venda automotivo brasileiro, alimentado pela crescente frota de veículos e a demanda por peças de reposição, vem expandindo consistentemente.

Os números dizem ainda que o mercado de autopeças no Brasil é impulsionado principalmente pelo aumento na idade média dos veículos, que leva a uma maior necessidade de reposição de componentes como filtros, peças de freio, baterias e pneus. Esse fenômeno contribui significativamente para a expansão do setor de aftermarket, com expectativas de crescimento ainda mais robustas para os próximos anos. A demanda crescente é atribuída não apenas ao envelhecimento da frota, mas também ao aumento do interesse dos proprietários de veículos por modificações e melhorias, um segmento que vem ganhando força especialmente com a popularização do comércio eletrônico ​

Neste cenário próspero, a Expo Peças 2024 em Goiânia se destaca como um evento crucial para a indústria e para o comércio automotivo. Marcada para acontecer entre 5 e 7 de setembro no Centro de Convenções de Goiânia, a feira oferece uma vitrine para as últimas inovações, assim como também facilita o diálogo direto entre os fabricantes e os profissionais de reparação automotiva. Com 190 estandes e uma expectativa de atrair 50 mil visitantes, o evento se posiciona como o maior evento do segmento no Centro-Oeste.

Paulo Miranda, diretor comercial da Expo Peças, fala sobre a importância do encontro ao destacar que o foco do evento é conectar diretamente os reparadores com as fábricas, oferecendo uma plataforma única para discussão de tendências e troca de conhecimentos técnicos. “A Expo Peças é um ponto de encontro essencial para os profissionais do setor se atualizarem sobre as inovações e desafios do mercado, permitindo acesso direto às últimas tecnologias e produtos”, explica Miranda. Ele enfatiza ainda que o evento se concentra em promover uma imersão completa nas tendências futuras, especialmente em áreas como automóveis híbridos e elétricos, e em melhorias na eficiência de combustível e segurança.

Entre os principais expositores estão líderes da indústria mundial, que apresentarão novidades em componentes automotivos e soluções inovadoras. Esses grandes estandes servem não apenas para exposição de produtos, mas como fóruns para discussões técnicas e trocas de experiências entre fabricantes e profissionais do mercado.

A feira também oferece uma série de palestras e eventos paralelos que discutem a evolução do design dos automóveis, as dinâmicas de mercado atual e as expectativas para o futuro do setor. “A edição de 2024 da Expo Peças promete ser uma demonstração do dinamismo do mercado automotivo, e refletir a rápida evolução que acompanha o setor. Com um layout expandido e uma série de inovações na programação,configuramos para ser um marco na indústria automotiva do Centro-Oeste, consolidando Goiânia como um centro estratégico para a reparação e inovação automotiva na região”, finaliza Paulo.

Serviço:
Expo Peças 2024
Data: 05/09 a 07/09
Horário: 15h às 21h nos dias 5 e 6, e 13h às 20h no dia 7
Local: Centro de Convenções de Goiânia, Centro
Entrada: Gratuita, com doação de alimento não perecível
Mais informações: https://expopecas.com.br

Continue lendo

Últimas notícias

De endividado a milionário: saiba como o empresário Helder Zebral saiu da pobreza e se tornou um dos principais homens de negócios do Brasil

Publicado

em

De

Desde os humildes recantos do interior de Goiás até os corredores do mundo empresarial, a jornada de Helder Zebral é uma prova da resiliência e da determinação humana. Nascido em um lar de privações, ele superou os desafios que a vida lhe impôs e se tornou um empresário em ascensão do Brasil.

A história de Helder começa em Luziânia, onde aos seis anos de idade teve que enfrentar a ausência do pai e as dificuldades financeiras que assolavam sua família. Com a partida precoce do pai, Helder, o mais velho de quatro irmãos, viu-se diante de uma responsabilidade que a vida impôs. Sua mãe, uma lavadeira de roupas, lutava para sustentar a família, enquanto ele, com apenas seis anos, entregava as roupas para complementar a renda familiar.

Mas a determinação de Helder era incomparável, mesmo com a pouca idade, ele encontrou oportunidades onde outros apenas viam obstáculos. De vender pastéis nos prostíbulos de Luziânia durante a construção de Brasília até trabalhar como trocador de ônibus na Anapolina, empresa que prestava o serviço de transporte público na cidade, sua jornada foi marcada por um trabalho incansável.

Aos 14 anos, Helder mudou-se para Brasília, onde continuou a trilhar um caminho cheio de obstáculos. Trabalhando como chapeiro em uma lanchonete, ele enviava dinheiro para sua mãe e irmãos para ajudar a sustentar a família, mesmo jovem, já tinha preocupações de um pai de família. Dormindo na sobreloja da lanchonete, ele sacrificou seu conforto em prol do bem-estar de seus familiares.

Seu percurso profissional foi uma saga de altos e baixos, mas foi em um encontro casual em um boteco que sua vida tomou um rumo diferente. Convidado a vender um cursinho de informática, mesmo sem qualquer experiência nesse campo, Helder aceitou o desafio. E foi assim que, contra todas as probabilidades, ele encontrou o sucesso.

“Eu tive uma marcenaria naquela época inflacionária e é lógico que não deu muito certo. O negócio durou três anos. Aí veio a grande virada de mesa e grande virada da minha história. Eu conheci uma pessoa num boteco tomando uma cerveja e essa pessoa me convidou para trabalhar com ele vendendo um cursinho de informática nas cidades do Brasil. Eu falei para ele, olha, eu sou marceneiro, nunca liguei um computador, nunca vi um computador na vida”, revelou.

Com determinação e visão de negócios, Helder transformou uma oportunidade improvável em um império empresarial. Da Pró-Educar, a maior empresa de software educacional do Brasil na época, até se tornar sócio da renomada rede de churrascarias Porcão, sua trajetória é um exemplo inspirador de sucesso conquistado através do trabalho árduo e da resiliência.

Com dois meses de trabalho, ele já tinha ganhado bastante dinheiro, com seis meses já tinha comprado tudo que queria, como roupas boas, carro bom, e com um ano e meio, comprou o primeiro apartamento. Com quase dois anos, ele conseguiu comprar 50% da empresa, e com dois anos, comprou 100% da empresa, foi quando criou uma empresa chamada Pró-Educar, isso há quase 30 anos, e na ocasião, era a maior empresa de software educacional do Brasil.

“Eu fiz mais de 200 municípios, 200 escolas, você vê que a ironia do destino: um analfabeto montar uma empresa altamente revolucionária na época de softwares educacionais. Foi aí começou essa grande história, aí foi mais um sucesso empresarial, eu comecei por aí. Depois, com dez anos eu fechei essa empresa, e fui ser sócio parceiro de uma rede de churrascaria do Brasil inteiro chamada Porcão, foi um outro sucesso total, depois eu fui manter uma empresa de aplicativo de emprestar dinheiro”, contou.

Para ele, o segredo do sucesso, de um homem de negócio é ser trabalhador. Ele afirma que não tem milagre quando tem preguiça, porque a preguiça é inimiga do sucesso. Segundo Helder, além de ser trabalhador, é preciso ter muito foco e ter visão do negócio: conhecer o negócio, entender do marketing do negócio, para quem vende, de quem compra, qual público que quer atingir, qual é o objetivo de ganho, qual o objetivo de margem de negócio. Detalhes fundamentais que podem resultar no sucesso.

“Eu acho que não tem muito segredo e eu não acredito em sorte nos negócios. Eu acredito em foco, sabedoria, muita resiliência e muita humildade naquilo que você se propõe a fazer. Esse para mim é o grande segredo do negócio”, pontua Helder.

Atualmente, Helder desfruta não apenas dos frutos de seu trabalho, mas também de sua generosidade e humanidade. Pai de três filhos, ele dedica seu tempo aos negócios, à família e aos amigos. Sua jornada reflete determinação e dedicação.

“Sou uma pessoa muito humana e generosa. Ajudo muito meus familiares e as pessoas que eu gosto. Faço isso sem receber nada em troca e vejo que isso é o mínimo que a gente faz quando alcançamos um certo sucesso intelectual ou financeiro, sem nunca ter estudado ou ter tido algum apoio da família. Eu acho que é Deus e faço a minha parte”, finaliza Helder.

Continue lendo

Destaque