Conecte-se Conosco

Entretenimento

Músico Sami Chohfi lança novo single, “Anodyne”, com clipe nostálgico gravado em Super-8

Publicado

em

A letra da faixa traz um significado muito pessoal, mas cujo sentimento com certeza será compartilhado e sentido por muitas pessoas em busca de um objetivo. “Através dessa música, quis expressar meus sentimentos sobre a atual indústria musical, incluindo minhas dúvidas pessoais e inseguranças sobre minha própria carreira”, afirma Sami

O músico americano-brasileiro Sami Chohfi comemora nesta quinta-feira (18), o lançamento do seu mais novo single, Anodyne“. A nova faixa está disponível em todas as plataformas digitais

“Anodyne”, por definição, é uma palavra sem tradução literal em Português que significa droga ou medicamento analgésico e Sami a usa aqui como uma metáfora do que a música significa para ele. A letra da faixa traz um significado muito pessoal, mas cujo sentimento com certeza será compartilhado e sentido por muitas pessoas em busca de um objetivo. “Compor é minha fuga e tocar ao vivo é minha salvação pessoal”, ele confessa. “Através dessa música, quis expressar meus sentimentos sobre a atual indústria musical, incluindo minhas dúvidas pessoais e inseguranças sobre minha própria carreira. Por um lado, sou muito apaixonado por escrever canções onde posso compartilhar meus pensamentos e talvez ter um impacto na vida das pessoas. Por outro lado, hoje em dia é tão fácil divulgar sua música, mas tão difícil de fazer com que ela seja realmente ouvida. Então é frustrante produzir um material que pode ou não chegar aos ouvintes. Isso me traz algumas dúvidas, me faz questionar se estou fazendo a coisa certa na minha carreira e também me faz questionar minhas escolhas. Então ‘Anodyne’ é a expressão desses sentimentos confusos, porém somente através da música eu sinto que estou cumprindo meu propósito. A música é minha droga, é minha cura para minhas dúvidas e frustrações”, afirma.

A faixa vem acompanhada de um videoclipe gravado em filme Super 8-M, que remete aos videoclipes da MTV dos anos 1980 e todas as filmagens antigas contidas nele são ocorrências da vida real do diretor Arturo Querzoli capturadas em fita. “Queríamos levar as pessoas de volta aos anos 80 e 90, quando as coisas eram muito mais simples. O objetivo do vídeo é levar o espectador de volta no tempo e fazê-lo sorrir por alguns minutos”, explica Sami. “Queríamos reviver nossas festas de colégio, a primeira vez que bebemos demais com nossos amigos, nosso primeiro beijo, nosso primeiro amor, aquela primeira vez que você ouviu uma música que te emocionou ou a primeira vez que você viu um videoclipe que marcou em sua memória”. 

“O vídeo que fizemos juntos foi um dos projetos mais especiais da minha carreira, porque mescla imagens uma fita Super 8 digital que eu gravei durante o ano que morei nos Estados Unidos fazendo intercâmbio – ali estão minha família, meus amigos, muita coisa pessoal – com cenas filmadas com a mesma câmera, uns 25 anos depois”, comenta o diretor Arturo Querzoli. “Nós quisemos trazer não só a nostalgia, mas todas as emoções que vem com a música – a ansiedade do amor platônico, as tretas e palhaçadas de moleque… é uma compilação de memórias, de experiências que espero que ajudem a exaltar a força desse som que é maravilhoso.”

Arturo e Sami inclusive mostraram o vídeo para a galera que aparece no vídeo – a maioria de uma cidadezinha de 4 mil habitantes no meio dos EUA – e todos ficaram todos loucos de se ver ali, 25 anos mais jovens. “Foi emocionante e muito bonito”, conta Sami.

Sobre a expectativa em relação ao lançamento da música e do clipe, o artista já sabe: “Espero que a música e o clipe façam as pessoas sorrirem e lhes causem arrepios. O vídeo é uma máquina do tempo e está repleto de felicidade, família, amigos e experiências da vida real pela primeira vez capturadas em fita vintage super 8mm”, finaliza. 

Sami deve voltar ao país para uma outra série de apresentações ainda este ano e promete muitas novidades para breve, incluindo novos singles.

CONFIRA A LETRA DE “ANODYNE”
Escrita por Sami Chohfi

And still I’m here, waiting for my sweet anodyne
If I share with you the colors of my heart
Will you stand with me and take me in your arms
I’ll be holding on until the world is gone

What fuels me now, gives me sight
Born of lies, lies that are mine
Letting go is sometimes hard to do
To be free you must choose

Embrace me, slowly, my own cyanide
Hoping you save me, my sweet anodyne
If I share with you the colors of my heart
Will you stand with me and take me in your arms
I’ll be holding on until the world is gone

What fuels me now, gives me sight
Born of lies, lies that are mine
Letting go is sometimes hard to do
To be free you must choose
Even though you don’t believe in me

Doesn’t mean my life is all just fantasy

I am a dreamer in a false reality, and I know I’m not alone

All this pain, you gotta let it go

Take my hand, let’s lose control

Sobre Sami Chohfi:

O ano era 2008 e Sami Chohfi iniciava sua carreira na música com a banda Blue Helix, na cidade de Seattle (EUA). Quatorze anos se passaram e muita coisa mudou; atualmente em carreira solo e tocando uma mistura de rock alternativo, folk e composições acústicas, ele coleciona muitas vivências de viagens que refletem em sua arte e em seu contato com o público.

Em uma performance ao vivo que já foi comparada a um misto de Goo Goo Dolls + The Smashing Pumpkins + Foo Fighters, Sami tem habilidade e energia únicas para se conectar com a platéia e contar suas histórias através da música tocando vários estilos de rock em apenas um show, como uma montanha-russa de rock’n ‘roll em uma noite. Na sua mais recente apresentação, Sami marcou presença no palco do programa “Canta Comigo”, quinta temporada, exibido pela TV Record.  

O seu primeiro álbum solo, “Extraordinary World” (lançado em 2020), foi escrito em seis países (Brasil, Camboja, França, Índia, Quênia e Filipinas) e inspirado pelas pessoas que ele conheceu nesses lugares, suas vivências e histórias de cinco anos de viagens, onde o artista fez suas turnês internacionais. Foi justamente nessas viagens que ele encontrou seu propósito como artista: inspirar as pessoas, transportando-as para as cenas majestosas que testemunhou nos últimos anos. Os clipes das faixas “This Majesty” e “Dirty Your Soul” foram filmados na Índia e o videoclipe “Serenade the Darkness“, escrito e filmado no Brasil, foi adicionado às plataformas MTV, MTV2, VH1, Music Choice, Much Music e Revolt TV. 

Uma das músicas deste álbum, “Little One”, tem a participação do baterista Kellii Scott, da banda norte-americana Failure, e do tecladista Douglas Coronel, da banda paulista Mr. Legacy. Outro single recente, “The Awakening”, traz uma reflexão sobre nossos valores atuais como sociedade e a necessidade de mudança econômica, social e individual, com uma letra atual e uma melodia forte.

No final de 2022, Sami lançou o single “Sing You to Me”, uma super produção inspirada em grandes bandas como Queen e Beatles. Com clipe gravado na cidade de Nova Petrópolis (Brasil), a música tem uma melodia contagiante que, desde a primeira vez, fica gravada na memória. Também em 2022, o artista lançou um cover do hit “Take on Me“, da banda A-ha, com violão estilo flamenco, piano clássico, violoncelos, violinos e vocais de falsete – e clipe gravado em diversas locações na cidade de São Paulo.

O primeiro lançamento do 2023 foi o hino de rock anti-bullying “Anti-Social Butterfly”. Sami escreveu essa faixa para dar esperança e força àqueles que sofrem bullying. A música também é uma crítica contra o ajuste às normas sociais e um grito rebelde contra ser “normal”. Quando criança, crescendo no sul da Flórida, o artista sofreu muito por ser perseguido e espancado por seus colegas, além de ter convivido com um pai alcoólatra abusivo. 

Atualmente morando em Seattle, mas com raízes brasileiras, Sami é inegavelmente um cidadão do mundo e vem se tornando destaque do rock alternativo com vasta bagagem internacional, tendo já levado seus shows para seis países. 

Ele já trouxe suas turnês quatro vezes ao Brasil, e suas músicas estão sendo executadas atualmente em mais de cem rádios em todo o território nacional e já foram apresentadas em grandes veículos como Rolling Stone, MTV, Globo.com, e vários sites de música relevantes do país. Depois de uma extensa turnê de doze shows por aqui no ano passado, o artista deve voltar ao país para uma outra série de apresentações ainda em 2023.

Redes Sociais Sami Chohfi

Instagram

Twitter

Facebook

 

Streaming Sami Chohfi

Youtube

Spotify

Apple Music 

Amazon Music

Tidal

Continue lendo
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entretenimento

Andressa Devillo estreia como repórter no Agito na TV na festa do ator Simone Susinna

Publicado

em

De

Andressa Devillo entrevistando o ator Simone Susinna - Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda - Divulgação

Andressa Devillo em sua primeira matéria pelo Agito na TV, cobrindo o aniversário do ator Simone Susinna. o ator escolheu o Brasil pra comemorar seus 30 anos em grande estilo na casa Sphera Lounge, localizado no Jardins.

A festa contou com várias celebridades, e entre os convidados, Andressa pode entrevistar a ex-BBB Key Alves, Amanda Souza e Verônica Brito do Casamento às Cegas 2, as cantoras Ingrid e Erica Mantovani, Michelle Heiden – Miss Brasil, Carolina Montemor – Streamer, Isabela Crociolli – Lifestyle, entre outros.

Na ocasião o ator Simone Susinna chegou de Ferrari acompanhado do seu irmão Danilo Susinna, além da companhia do amigo Dr. Viotto, responsável pelas lentes e harmonização facial de vários artistas famosos, inclusive do próprio Simone Susinna.

Andressa Devillo e a Ex-BBB Key Alves - Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda - Divulgação

Andressa Devillo e a Ex-BBB Key Alves – Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda – Divulgação

“Quando esse homem chegou, confesso que fiquei super nervosa (risos). Ele é mais gato ainda pessoalmente, e eu adoro homem perfumado, com aquele olhar matador, Bah Tchê, só por Deus”, contou Andressa.

Na entrevista com Simone, Andressa perguntou o por que ele escolheu o Brasil para esse momento tão especial do “trintou” e Simone respondeu:

“Desde criança eu tenho uma conexão muito forte com o Brasil. Sinto uma energia peculiar por esse País. Eu amo o jeito como os brasileiros me tratam, e aqui eu me sinto em casa”, relatou o ator.

A entrevista já pode ser conferida no YouTube no canal do Agito na TV, ou basta clicar abaixo:

Aproveitem pra seguir o perfil do Programa Agito e também da repórter no Instagram: @andressadevillo @agitonatv.

Andressa Devillo e Carolina Montemor - Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda - Divulgação

Andressa Devillo e Carolina Montemor – Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda – Divulgação

Andressa Devillo e Isabela Crociolli - Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda - Divulgação

Andressa Devillo e Isabela Crociolli – Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda – Divulgação

Amanda Souza, Andressa Devillo e Verônica Brito - Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda - Divulgação

Amanda Souza, Andressa Devillo e Verônica Brito – Crédito da Foto Fotos Nelson Miranda – Divulgação

Continue lendo

Entretenimento

Revelado por projeto da CausArt, MC JL grava cenas do seu primeiro filme no Cinema

Publicado

em

De

Jovem foi o vencedor do festival de música Causando Arte,realizado em 2022 dentro do Projeto Escola Aberta em Senador Canedo

O prodígio MC JL deu outro passo importante na sua carreira artística nas últimas semanas ao gravar sua primeira participação como ator no filme “Inevitável”, média metragem dirigido por Jonathas Veloso e com produção de Eduardo Rosário. O pequeno rapper é um talento revelado pela CausArt, Organização Não Governamental dirigida pelo cantor, ator e produtor cultural Donato no Relato, que em 2022, vencedor do festival de música Causando Arte, que foi realizado em 2022 dentro do Projeto Escola Aberta em Senador Canedo.

Entre os prêmios conquistados por MC JL, estava a gravação de um clipe com MC Danielzin, concretizado na canção “Tem que Estudar”. Agora, os dois novamente contracenam juntos na produção cinematográfica. Donato fala com orgulho da trajetória de JL, o primeiro perseverante da CausArt, que tem como propósito mostrar às crianças da periferia, que sonhos são possíveis.

A iniciativa inédita em Senador Canedo foi a primeira da instituição CausArt, com o objetivo de despertar entre as crianças e adolescentes a importância da arte na construção do caráter de cada uma delas. “Ver o brilho nos olhos deles é o que motiva esse trabalho social, que só está começando”, declara Donato, ao lembrar que o jovem já ganhou seu primeiro cachê trabalhando como artista.

MC JL já tem clipe gravado da música “Tem que Estudar” , escrita por Donato em parceria com o músico Dayran. A história reflete sobre a importância da escola na vida das crianças e foi gravada com MC Danielzin, filho do rapper. O clipe teve também a contribuição dos alunos da Escola Municipal Abdon Ferreira de Carvalho, em Senador Canedo, que serviu de cenário.

Continue lendo

Entretenimento

Davy Klaus: O artista que moldou sua trajetória musical através da conexão com a alma e o amor pela música

Publicado

em

De

Por Isabela Oliveira, Jornalista

Davy Klaus, uma figura marcante no cenário musical brasileiro, tem sua trajetória moldada desde o início em um lar cristão, onde a música sempre foi mais do que uma expressão artística, era uma extensão da alma. Com uma voz que encanta e uma carreira que transcende fronteiras, Davy compartilha suas experiências e sua paixão pela música.

O início de sua jornada musical remonta à juventude, quando aos 13 anos de idade, Davy começou a cantar profissionalmente, inspirado pelo apoio caloroso de sua saudosa avó e seus pais. Desde então, sua agenda nunca deixou de estar movimentada, marcando presença nos grandiosos congressos das assembleias de Deus no estado do Rio de Janeiro, além de performances emocionantes em casamentos e formaturas.

Davy Klaus não é apenas um cantor, é um artista que busca aperfeiçoamento constante. Durante um período, dedicou-se a aulas de técnica vocal com a renomada cantora Raquel Mello, e encontrou inspiração em ícones musicais como Whitney Houston, Mariah Carey, Jennifer Hudson e David Phelps.

Ao ser questionado sobre seu estilo musical, Davy se autodefine como eclético. Sua escolha de músicas reflete não apenas um gosto pessoal, mas uma conexão emocional profunda. Nos seus álbuns, ele gravou canções que o impactaram, garantindo que cada nota transmita autenticidade. Em seus vídeos cover, seja em igrejas ou eventos, Davy imprime sua interpretação única, recusando-se a imitar outros artistas. Decorando as letras, ele as interpreta à sua maneira, destacando sua verdade artística.

Aos 20 anos, Davy Klaus lançou seu primeiro CD solo, uma obra que o levou a viajar pelo Brasil e pelo exterior, divulgando sua música. Em 2008, realizou sua primeira turnê na Europa, apresentando-se em locais como Barcelona, Bélgica, Suíça e Portugal.

Oito anos depois, em 2010, Davy surpreendeu seu público com o lançamento de “Somente Um”, um CD eclético e oposto ao seu trabalho anterior. Com regravações significativas, como ‘Adoração’ de Gastão Martins e o clássico ‘Tu és Fiel’, o álbum contou com participações especiais das talentosas Kelly Blima e Beatriz na emocionante música ‘Amigo Certo’.

Além de sua carreira solo, Davy Klaus desempenhou papéis importantes nos bastidores da música gospel. Como assessor artístico de Beatriz e da renomada cantora Shirley Carvalhaes, ele mergulhou nos desafios de organizar agendas e participar de turnês por todo o Brasil.

Hoje, as melodias de Davy estão disponíveis no YouTube e em diversas plataformas digitais, tornando-se acessíveis a um público cada vez mais amplo. Embora não tenha planos imediatos de lançar conteúdo autoral, Davy Klaus já antecipa sua próxima empreitada: uma série de vídeos covers programados para 2024, prometendo continuar emocionando seus fãs com sua voz autêntica e seu talento inigualável. Davy Klaus, uma voz que não apenas canta, mas ressoa nos corações daqueles que têm o privilégio de ouvi-lo.

Continue lendo

Destaque